QUERIDOS AMIGOS, LEITORES DO MEU BLOG, EU NÃO GOSTO DESTE TIPO DE FILME, "GUERRA", ETC.., MAS FUI CONVIDADA PELO MEU FILHO A ASSISTÍ-LO!
TUDO BEM, FUI PARA FAZER COMPANHIA, À ELE.

E, VEJAM VOCÊS QUE FOI UM DOS MELHORES FILMES QUE JÁ ASSISTI!
NÃO PELAS CENAS DE GUERRA, TIROTEIO, MORTES ENFIM, MAS PELAS VERDADES EXPLÍCITAS NO MESMO.

PENSO QUE TODA A POPULAÇÃO BRASILEIRA DEVERIA ASSISTIR ESTE FILME ANTES DAS ELEIÇÕES, E, MUITO MAIS AGORA, ANTES DE ELEGER NOSSOS GOVERNANTES NO 2º TURNO.

POR FAVOR, ASSISTAM, COM CONSCIÊNCIA POLÍTICA, ANTES DE ELGER NOSSOS GOVERNANTES NO 2º TURNO.

O que podemos ler em vários comentários realizados pelo filme é, de certa forma, exatamente a idéia que o filme quer passar e, desse modo, despertar em quem assiste um novo conceito sobre os motivos causadores do crime no Brasil. A obra tenta alertar o telespectador sobre como a violência é utilizada pela “nata” do país para trazer uma sensação de justiça por parte das autoridades públicas contra os criminosos do país, sem dar conhecimento dos esquemas feitos para quem os executa, deixando nossos representantes sairem dessa lama de corrupção de mãos limpas. Mas que isso não passa de uma jogada que, sem sobra de dúvidas, teria que ser resolvida de outra forma, evitando a MULTIPLICAÇÃO da violência (deve-se levar em conta que a violência sempre existirá, e em vários casos o policiamento não tem outra saída se não respondendo na mesma altura). Fica claro que não adianta absolutamente nada tentar combater o crime sem antes tentar evita-lo pela raíz, aumentando os recursos nas áreas da educação para concientizar o povo brasileiro dos estragos enormes que podemos sofrer se em todas situações de descontrole na administração pública deixarmos nossos políticos agirem com impulso e em seguida aprovarmos suas atitudes impensadas como se ele tivessem feito a melhor escolha, sendo que muitas vezes nem pensaram ou estudaram a situação para resolver o problema em questão. É esse tipo de voto de protesto que devemos promover, e não protestar nas urnas em ano de eleição votando em palhaços que mal sabem ler, escrever e falar! Pois se nós, povo brasileiros, continuarmos agindo dessa forma errada, impulsiva, e não agindo quando deveríamos agir em nossa defesa, continuaremos a ser um povo que não passa de uma massa de manobras dos políticos, e nunca deixaremos de ser “simples votos” para nos tornarmos cidadão dignos de direitos.

0 comentários: